Scroll Top

Saúde

Como funciona o exercício físico na terceira idade?

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), para cada dólar investido em programas de atividades físicas para os idosos, acontece uma economia de quase cinco dólares em serviços médicos. Essa estatística mostra o quanto estar ativo é importante depois dos [...]

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), para cada dólar investido em programas de atividades físicas para os idosos, acontece uma economia de quase cinco dólares em serviços médicos. Essa estatística mostra o quanto estar ativo é importante depois dos 60 anos. Então, veja hoje como funciona o exercício físico na terceira idade.

Com o aumento da população idosa e a diminuição da taxa de natalidade, o futuro da população tem sido pauta de debate constante. O objetivo é garantir uma maturidade saudável para os idosos. Por isso, é essencial manter hábitos positivos como uma dieta saudável, contato com a família e a prática de atividades físicas.

Todos os idosos podem realizar exercícios físicos?

Uma dúvida frequente é se todos os idosos podem praticar exercícios físicos e quais são os mais recomendados. A resposta é que, sim, qualquer pessoa pode praticar atividades físicas, mesmo com a idade mais avançada.

Para isso, é importante visitar o médico e solicitar um atestado de saúde. O profissional de saúde, junto ao educador físico, indicará qual exercício é o melhor para o idoso. Isso dependerá do seu condicionamento e da preferência particular do aluno.

Os exercícios ajudam a vencer males comuns na terceira idade, como a insônia. Por trabalhar mais com o corpo, o organismo fica mais relaxado e pronto para descansar na hora correta. O mais apropriado é exercitar-se pela manhã, para que a adrenalina liberada durante algumas práticas não interfira no ciclo de sono.

A frequência indicada pela OMS é de 150 minutos por semana. Ou seja, realizar 30 minutos de exercícios de segunda a sexta-feira já é o suficiente para garantir uma vida mais equilibrada e saudável para o idoso.

Quais as vantagens dos exercícios físicos para idosos?

As atividades físicas trazem muitos benefícios na terceira idade. Entre eles podem ser citados:

  1. Melhora na força muscular;
  2. Mais equilíbrio e flexibilidade;
  3. Interação social;
  4. Resistência aeróbica maior;
  5. Melhora no sistema imunológico;
  6. Sensação de bem-estar e prazer;
  7. Mais disposição para as rotinas diárias;
  8. Combate à solidão e isolamento;
  9. Manutenção das habilidades motoras;
  10. Aumento da independência e autoconfiança.
  11. Prevenção de crises depressivas;
  12. Melhora das capacidades cognitivas.

Como funciona o exercício físico na terceira idade?

Ao longo dos anos o sistema imunológico torna-se mais frágil. Com isso é comum surgirem infecções e estados inflamatórios. O que ocorre pelo aumento da interleucina e da proteína C reativa.

Por isso, os exercícios físicos ajudam a ter incidências menores de infecções urinárias e respiratórias. Eles ajudam, inclusive, a ter recuperações mais rápidas durante uma infecção.  

Ao saber como funciona o exercício físico na terceira idade, é possível ver as vantagens de investir nessas atividades. Além de diminuírem a ocorrência de doenças, as atividades físicas ainda oferecem mais qualidade de vida para o idoso.
Para evitar insônia, ansiedade e depressão na terceira idade, uma grande dica é utilizar os suplementos naturais. Eles atuam estimulando a produção de serotonina, que é o hormônio do bem-estar. Logo, o idoso poderá ter dias muito mais alegres e tranquilos. Além disso, os suplementos não causam dependência ou prejudicam a saúde. Conheça os suplementos naturais.

 

Fique Atualizado!

Redação

Sobre o autor

Saiba mais!

Comentários

0 Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: